Mapa definitivo da 15ª rodada do Distanciamento Controlado traz 14 regiões em vermelho

18/08/2020
Fonte: Governo RS

Fonte: Governo RS

A 15ª rodada do Distanciamento Controlado traz 14 regiões com risco epidemiológico alto – configurando o mapa definitivo mais vermelho desde que o modelo foi implementado, em maio. A divulgação foi feita nesta segunda-feira (17) pelo governador Eduardo Leite em transmissão pelas redes sociais. As bandeiras ficam vigentes a partir da 0h desta terça (18) até as 23h59 da próxima segunda-feira (24).
Antes de falar sobre o resultado da análise dos recursos e dos protocolos regionais alternativos, o governador lembrou que o Rio Grande do Sul completou cinco meses desde o primeiro caso positivo de coronavírus (em 10 de março). “Nesse período, fizemos uma ampliação da oferta de leitos SUS que representa praticamente tudo que se fez ao longo da história até então no Estado. Em décadas de SUS foram criados 933. Agora, já temos mais de 1,9 mil leitos SUS. Mesmo com toda essa expansão de leitos, metade deles são ocupados por pacientes confirmados ou suspeitos de Covid-19. Isso faz com que a gente renove o pedido para que essa doença se dissemine com menor velocidade. Não há notícia de falta de atendimento no Estado, e isso é uma vitória coletiva, da ação de governo e da comunidade gaúcha que está cumprindo os protocolos”, avaliou Leite.
Divulgado na última sexta-feira (14), o mapa preliminar da 15ª rodada classificou 16 regiões como de alto risco epidemiológico. Depois de análise dos 28 pedidos de reconsideração enviados por municípios e associações regionais, o Gabinete de Crise acatou o recurso de duas regiões, resultando em sete bandeiras laranjas (risco médio) e 14 vermelhas. O mapa definitivo – com 14 regiões em bandeira vermelha e sete em laranja –, mais a classificação de todas as áreas e os respectivos protocolos recomendados podem ser acessados em https://distanciamentocontrolado.rs.gov.br.


Reconsideração
O governo do Estado aceitou os pedidos de reconsideração das associações regionais de Caxias do Sul e Erechim. Contudo, o Gabinete de Crise indeferiu os recursos apresentados pelas regiões de Taquara, Passo Fundo, Guaíba, Santo Ângelo, Cruz Alta, Ijuí e Santa Rosa, que permanecem em bandeira vermelha por terem apresentado alto nível de ocupação dos leitos e de propagação do vírus. Os sete se somam a Canoas, Novo Hamburgo, Pelotas, Palmeira das Missões, Uruguaiana, Porto Alegre e Capão da Canoa, que já estavam em vermelho, e seus representantes não apresentaram pedido de reconsideração.


Regra 0-0
Depois da análise de recursos, o Estado ficou com 315 municípios sob bandeira vermelha, o que corresponde a 72,9% da população gaúcha (8.253.152 habitantes). Desse total, 147 municípios não tiveram registro de hospitalização e óbito por Covid-19 de morador nos 14 dias anteriores ao levantamento – equivalente a 7% da população gaúcha (786.793 habitantes). As prefeituras dessas cidades se adequam à chamada Regra 0-0 e podem, portanto, adotar protocolos previstos na bandeira laranja por meio de regulamento próprio. Basta que mantenham atualizados os registros nos sistemas oficiais e adotem, por meio de decreto, regulamento próprio, com protocolos para as atividades previstas na bandeira laranja.


› Compartilhe

  • Instagram

COLUNAS

Senhor, ensina-me a orar

Senhor, ensina-me a orar

Coluna da Fé   23/10/2020

Misericórdia divina

Misericórdia divina

Coluna da Fé   23/10/2020

A dignidade da família

A dignidade da família

Coluna da Fé   21/10/2020

FOTOS DO DIA

A beleza do beija-flor captado em pleno voo pelo fotojornalista Octacílio Freitas Dias

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

BOLETIM CORONAVÍRUS
27/10/2020SAÚDE
BOLETIM CORONAVÍRUS
Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela