Dois Irmãos registrou 75 casos de violência doméstica no primeiro semestre

09/07/2021
Reportagem: Thaís Lauck / Foto: Polícia Civil

Reportagem: Thaís Lauck / Foto: Polícia Civil

De 1º de janeiro a 30 de junho deste ano, a Delegacia de Polícia Civil de Dois Irmãos recebeu 75 denúncias de violência doméstica. Do total de casos, 64 ocorreram em Dois Irmãos, dez em Morro Reuter e um em Santa Maria do Herval. De acordo com a polícia, 59 mulheres solicitaram medidas protetivas de urgência, ordem judicial que impede que os acusados se aproximem delas.

Entre os fatos mais comuns, estão as denúncias por ameaça (35) e lesão corporal (15).  Outro dado que chama atenção é, justamente, o número de ocorrências por descumprimento de medida protetiva. Só neste primeiro semestre de 2021, foram 7 denúncias por este crime. Em quatro casos, a ação resultou na prisão preventiva dos acusados, visando garantir a segurança das vítimas.

De acordo com o delegado Felipe Borba, titular da delegacia dois-irmonense desde outubro de 2020, a atuação efetiva da rede de proteção é um dos fatores que pode estar encorajando as vítimas a denunciar as situações de violência. “Acredito que o sentimento de intolerância frente às práticas reiteradas de agressões por parte dos companheiros, conjugada com a confiança na rede de proteção às mulheres vítimas de violência doméstica e familiar, estimule as mulheres a procurar o primeiro auxílio perante a Delegacia. Em algum momento, o grau de ofensa física e psicológica desperta nas vítimas a sensação de que seja concreto o risco de um desfecho irreversível. Isso parece explicar a razão de relatos de mulheres após anos de relacionamento”, destacou o delegado, reforçando que, em casos onde é visualizado risco sério e iminente, é solicitada a medida protetiva e, se necessário, a prisão do agressor.  “Desde que assumi a Delegacia, não tivemos nenhum caso de feminicídio. Dentro do que nos couber, faremos de tudo para que sigamos sem morte motivada pela condição de gênero da vítima”, completou o delegado Borba.

Mais uma vez, a polícia reforça o pedido para que as vítimas denunciem situações de violência. “É muito importante que as vítimas de violência doméstica procurem os órgãos engajados em sua proteção, a fim de fazer cessar a situação de violência ou de risco. E, qualquer pessoa que tiver ciência de que alguma mulher esteja sendo vítima desse tipo de conduta, também pode utilizar os canais de comunicação, inclusive de forma anônima”, complementa o delegado.

 

 

NÚMEROS DE 2021

 

JANEIRO

Ameaça: 9

Lesão corporal: 3

Vias de fato: 2

Perturbação da tranquilidade: 1

Descumprimento de Medida Protetiva de Urgência: 1

Tentativa de estupro: 1 (resultou na prisão do acusado)

TOTAL: 17 casos (15 em Dois Irmãos e 2 em Morro Reuter) / 14 solicitações de Medida Protetiva de Urgência

Vítimas: entre 19 e 55 anos

Agressores: entre 22 e 58 anos

 

FEVEREIRO

Ameaça: 8

Lesão corporal: 2

Descumprimento de Medida Protetiva de Urgência: 1

TOTAL: 11 casos (9 em Dois Irmãos e 2 em Morro Reuter) / 10 solicitações de Medida Protetiva de Urgência

Vítimas: entre 21 e 69 anos

Agressores: entre 21 e 47 anos

 

MARÇO

Ameaça: 3

Descumprimento de Medida Protetiva de Urgência: 2

Perturbações da tranqüilidade: 4

Vias de fato: 1

TOTAL: 10 casos (9 em Dois Irmãos e 1 em Morro Reuter)  / 8 solicitações de Medida Protetiva de Urgência

Vítimas: entre 18 e 58 anos

Agressores: entre 22 e 59 anos

 

ABRIL

Ameaça: 10

Lesão corporal: 5

Descumprimento de Medida Protetiva de Urgência: 1

Vias de fato: 2

Estupro: 1

TOTAL: 19 casos (16 em Dois Irmãos e 3 em Morro Reuter) / 15 solicitações de Medida Protetiva de Urgência

Vítimas: entre 18 e 59 anos

Agressores: entre 21 e 55 anos

 

MAIO

Ameaça: 1

Lesão corporal: 4

Perturbação da tranquilidade: 1

Vias de fato: 1

TOTAL: 7 casos (6 em Dois Irmãos e 1 em Morro Reuter) / 3 solicitações de Medida Protetiva de Urgência

Vítimas: entre 15 e 71 anos

Agressores: entre 26 e 40 anos

 

JUNHO

Ameaça: 4

Lesão corporal: 1

Perturbação da tranquilidade: 2

Dano: 1

Descumprimento de medida protetiva: 2

Injúria: 1

TOTAL: 11 casos (9 em Dois Irmãos, 1 em Morro Reuter e 1 em Santa Maria do Herval) / 9 solicitações de Medida Protetiva de Urgência

Vítimas: entre 16 e 55 anos

Agressores: entre 17 e 55 anos

 

TOTAL DE CASOS REGISTRADOS ATÉ JUNHO

75 casos de violência doméstica denunciados em 2021. Do total, 59 vítimas solicitaram medida protetiva de urgência.

– 64 em Dois Irmãos;

– 10 em Morro Reuter;

– 1 em Santa Maria do Herval, mas registrado na DP de Dois Irmãos.

 

Tipos de violência:

Ameaça: 35

Lesão Corporal: 15

Vias de fato: 6

Perturbação da tranquilidade: 8

Descumprimento de medida protetiva: 7

Tentativa de estupro: 1

Estupro: 1

Dano: 1

Injúria: 1

 

DENUNCIE

Brigada Militar: 190, 3564-1193 ou 9 8501-6695 (WhatsApp)

Polícia Civil: 3564-1190 ou 9 8543-7318 (WhatsApp)

Coordenadoria da Mulher: 3564-8875

Central de Atendimento à Mulher: 180


› Compartilhe

COLUNAS

Renovação de vida (2)

Renovação de vida (2)

Opinião   28/09/2021

Semana Nacional da VIDA

Semana Nacional da VIDA

Opinião   21/09/2021

FOTOS DO DIA

Um bom lugar para um ninho de passarinho (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2021, Todos os direitos reservados Agência Vela