Blog do Jornal Dois Irmãos


26 de mar de 2015

Ator mirim promove Balada Kids e Teens em Dois Irmãos

No próximo dia 4 de abril tem Balada Kids e Teens em Dois Irmãos. O evento acontece no Sítio Bluemerangue (Rua Pedro Enzweiler, no bairro Travessão), a partir das 18h30 e é promovido pelo ator mirim Eduardo Martins, de 12 anos. Ele é de Dois Irmãos e atualmente mora no Rio de Janeiro, onde apresenta o programa Tem Criança na Cozinha, do Canal Gloob, na Globosat, além de diversas outras atividades e projetos.
A festa, promovida pelo ator dois-irmonense em parceria com a atriz Bia Passos, já é sucesso no Rio de Janeiro, e promete agitar a garotada por aqui também. Ela contará com diversos convidados, entre eles os artistas mirins Laura Kolesar, Sofia Vitória Silva e o Miguel, o Alarico do programa Anônimos Gourmet, que, ao lado do Edu, vão receber a galerinha para curtir uma balada segura, específica para crianças e adolescentes.
De acordo com o pai de Edu, Oscar Martins, não haverá venda de bebidas alcoólicas e é proibida a entrada de maiores de idade, exceto pais e responsáveis das crianças. “O evento trará o melhor do Rock Nacional e Internacional. As crianças poderão dançar, cantar e curtir muito. Haverá escolha de princesa, príncipe e rei e rainha da festa. Terá ainda sorteio de brindes”, destaca ele. O ingresso custa 30 reais por criança, com direito a um acompanhante. Mais informações pelo e-mail conexaobrasilproducoes@outlook.com.

Novo será lançado no dia da festa projeto

Durante a festa, será lançado o novo projeto do Edu. Ele está produzindo dois novos programas independentes, onde ele mesmo dirige e atua. Um deles é gravado sempre em lugares diferentes, com crianças, jovens e adultos da própria cidade onde a história é contada. “Um desses episódios será gravado em Dois Irmãos, Ivoti e região, baseado em uma história infantil da escritora Márcia Funke Dieter, de Ivoti”, ressalta Oscar, destacando que o próprio Edu conversou com produtoras parceiras dele, onde já havia gravado filmes, e foi colocando tudo no papel. “Nós sempre o apoiamos para concretizar seus sonhos, e esse foi um deles. O mais legal do projeto é que além de ser com histórias locais, ele envolve como atores as crianças da própria comunidade. Quer dividir com todos, dar oportunidades e fazer valer os talentos locais. Assim, quer também retribuir o carinho e as amizades da sua infância, aqui, contemplando a cidade com um desses episódios”, reforça o pai do garoto.
Todas as crianças interessadas em conhecer o projeto e aproveitar a baladinha estão convidadas. Outro objetivo do evento é dar oportunidade para que as crianças se conheçam e interajam, já prevendo as gravações do episódio.

Sobre Eduardo Martins


Eduardo já gravou diversos comerciais para a TV. Participou de desfiles, catálogos de moda, curtas, médias e longas metragens. Teve participação em webséries e séries de TV, entre elas Vida de república, Gomes e Vanessa, Aborrescentes e Suburbanda, além de participações em Louco Por Elas, na Rede Globo e programas como Mais Você, Esquenta, Cozinheiros em Ação, Bastidores e Anônimos Gourmet. Atualmente apresenta o Tem Criança na Cozinha, do Canal Gloob, na Globosat. Participa do grupo de teatro com Bruno Pereira e faz teatro de formação na escola O Tablado, no Rio de Janeiro.

Vai começar a Choco Circus!

Começa hoje a segunda edição da Choco Circus – Um Doce de Páscoa, evento que segue até o dia 5 de abril. O encantamento da Páscoa está presente na festa que ocorre no Largo Felippe Seger Sobrinho, no Centro de Dois Irmãos. O portão abre às 17h, e às 19h será realizada a abertura oficial do evento. A programação acontece de segunda a sexta-feira, das 17h às 22h, e no sábado e domingo, das 15h às 22h. As atrações foram programadas para que todos possam aproveitar o evento da melhor forma.
Com o largo decorado para receber o coelhinho e despertar o imaginário de crianças e adultos, o evento foi sucesso na primeira edição, e promete animar novamente os visitantes com circuitos culturais, oficinas de recreação, diversas atrações musicais e circenses, espetáculos teatrais, histórias de Páscoa, Miniparque Terra Mágica Florybal grátis, Toca do coelho e  desfile de Moda da Michelle Modas. Vale destacar que haverá inúmeras apresentações de talentos locais e regionais. Entre os expositores estão a Florybal Chocolates, Cacau Show Dois Irmãos, Atheliê do Sabor, Associação de Amigos do Patrimônio Histórico e Cultural de Dois Irmãos, Clube da Terceira Idade Reviver, Associação dos Artesãos de Dois Irmãos, Cervejaria Hunsrück e Kasper Lanches. Além disso, terá uma praça de alimentação própria do Circo Torricelli, com guloseimas típicas das festividades.
A Choco Circus – Um Doce de Páscoa é promovida pela Associação Amigos do Patrimônio Histórico e Cultural (AAPHeC) de Dois Irmãos. Os organizadores do evento divulgaram que será cobrado ingresso de R$ 15 adulto, R$ 8 crianças e entrada franca para crianças de colo.

DESTAQUES DA PROGRAMAÇÃO

Dia 26 de março (quinta-feira)
- Abertura oficial às 19h30,
  Hino Nacional será cantado Jéssica Hansen
- Atrações circenses
Dia 27 de março (sexta-feira)
- Desfile de moda – Michelle Modas
- Invernada Veterana ACTG Portal da Serra
- Atrações circenses
Dia 28 de março (sábado)
- Lançamento do CD de Dudu Gaiteiro (19h)
- Luciana Hope (20h)
- Atrações circenses
Dia 29 de março (domingo)
- Invernada adulta ACTG Portal da Serra
- Coral da 30ª Região Tradicionalista
- Banda Doutor Roberto & Os Estranhos
- Atrações circenses


PARTICIPE!


Os organizadores convidam todos os moradores a prestigiar a programação, além de terem a oportunidade de mostrar o seu talento nos palcos do evento. A  Associação Amigos do Patrimônio Histórico e Cultural (AAPHeC) de Dois Irmãos convida os talentos locais que querem se apresentar no palco do evento, para se inscrever. Você canta, dança, encena, faz truques de mágica? Todos os talentos são bem vindos. Para se inscrever contate a organização pelo contato (51) 9603-3486 e chame os amigos para prestigiar a sua apresentação.

25 de mar de 2015

Coelhinha Cacau divertirá os visitantes da Choco Circus

Orelhinhas branquinhas e atentas, gosta de comer cenoura e usa uma cartola na cabeça. Descobriu que personagem é?
Ela é a Coelhinha Cacau, que estará presente na Choco Circus – Um Doce de Páscoa, de quinta-feiras a domingos, no Largo Felippe Seger Sobrinho, no Centro de Dois Irmãos. A coelhinha foi criada especialmente para o evento que começa nesta quinta-feira, dia 26.  Segundo a criadora e intérprete da Cacau, Sofia Stoffel, 39 anos, a coelhinha surgiu do universo do circo. “Ela nasceu e cresceu dentro do circo. A Cacau é uma coelhinha doce, que deixou a cartola do mágico e virou uma personagem independente”, diz Sofia. A personagem estará disponível para fotografar com as pessoas e terá adereços para divertir e descontrair o público visitante. Como a coelhinha nasceu na temporada da mídia, terá sua própria câmera para registrar os melhores momentos da festa.
Apesar de sua doçura e delicadeza com os visitantes, ela é um pouco esquecida, perderá sua mochila-cenoura pelo caminho. “Preciso que os visitantes que achem a mochila-cenoura e devolvam para a Cacau, pois nela contem os acessórios dela”, diz a intérprete. Todo o figurino da Cacau está sendo criado por Sofia e conta com co-criação da sua mãe, Renata Stoffel.

Quem é Sofia?

Natural de Dois Irmãos, Sofia Stoffel é atriz e jornalista. Já trabalhou com teatro, cinema, filmes e até figuração na Rede Globo. Atualmente está se dedicando na concepção de personagens personalizados.

Monitores Ecológicos no combate ao mosquito da dengue

Engajado em ações de preservação da natureza, no ano 2000 o Departamento Municipal de Meio Ambiente começou a implantar nas escolas de Dois Irmãos o Projeto Monitores Ecológicos, coordenado pela bióloga Ivana Collet.
O projeto deu certo e atualmente é desenvolvido em sete escolas do município: Albano Hansen (Travessão), Paulo Arandt (São João), Arno Nienow (Navegantes), Primavera, Felippe Wendling (Bela Vista), Matheus Grimm (Portal da Serra) e 29 de Setembro (Moinho Velho). O trabalho ocorre sempre no contra turno escolar e tem coordenadores em todas as escolas.
Na tarde desta terça-feira, dia 24, um grupo de 33 monitores ecológicos formados por alunos do 5º ao 7º ano da escola municipal Albano Hansen, do bairro Travessão, fez uma saída de campo, para colocar em prática o que até então discutiam na teoria, dentro da sala de aula. O foco desta atividade específica foi a dengue e as maneiras de prevenção da doença.
Acompanhados da coordenadora Ariela Braun e da professora Débora Weber, os alunos desenvolveram um trabalho prático no Cemitério Católico do Centro, guiados pelas Agentes de Epidemiologia Márcia Skonetzky e Sueli Perius, da prefeitura. Divididos em três grupos, eles se espalharam pelo cemitério e vistoriaram os túmulos, onde localizaram diversos vasos com água parada e, inclusive, larvas do mosquito transmissor da dengue. Posteriormente, as larvas foram recolhidas com uma pipeta e ficaram sob responsabilidade das agentes.

PAPEL DE CONSCIENTIZAÇÃO
De acordo com a bióloga Ivana Collet, o objetivo da atividade, assim como do projeto de maneira geral, é fazer com que o trabalho realizado com os monitores ecológicos se dissemine na comunidade. “Nosso objetivo é que eles disseminem o que aprendem no projeto em suas casas, em seus bairros e em toda a comunidade dois-irmonense”, reforça ela.

OPINIÃO DE ALUNO
Cristian Samuel Backes, 12 anos, 7º ano
“Precisamos ter cuidados para que não hajam mais doenças. Aqui vi muitos túmulos bem cuidados e com areia nos vasos. Já outros, não cuidam da mesma maneira e podem gerar doenças como a dengue, porque tem muita água parada neles”.

24 de mar de 2015

Domingueira arrecadou mais de 12 mil reais


Tradicionalistas e a comunidade provaram, de fato, que a união faz a força. No último dia 15 de março aconteceu a Domingueira Beneficente em prol do Hospital São José, na ACTG Portal da Serra. O evento foi realizado pela ACTG, CTG Liberdade Gaúcha, DTG porteira Aberta e pelos piquetes Os Taura, Gaudérios do Pé da Serra e Morada Gaudéria, e foi abraçado por toda a comunidade, que ajudou com doações e na compra de cartões para o almoço e baile. O evento foi um sucesso. Foram 670 cartões vendidos para o almoço e cerca de 1.200 pessoas prestigiando o evento. 
Na noite desta segunda-feira, dia 23, os tradicionalistas apresentaram a prestação de contas da promoção. De acordo com o patrão da ACTG, Oscar Bassotto, o lucro foi de R$ 12.304,83. O valor integral será revertido na compra de poltronas e itens de hotelaria da casa de saúde, especificamente para os leitos do Sistema Único de Saúde (SUS).  “Todos aqui tem suas entidades, mas em prol da causa, se uniram e ajudaram. Temos que agradecer o esforço de cada uma dessas pessoas e trabalhar para que no próximo ano os resultados sejam ainda melhores. Um agradecimento especial também às pessoas que doaram alimentos e compraram cartões da domingueira”, destacou o patrão. “A iniciativa foi admirável e todos vão ver o resultado o dia em que estiverem lá. Infelizmente, ninguém está livre disso. Vão ver também que todo mundo se ajudou e fez algo pelo certo”, reforçou Minuzzo, do DTG Porteira Aberta.
O vice-prefeito e Secretário da Saúde, Jerri Meneghetti, parabenizou os tradicionalistas. “É uma iniciativa muito bonita. Acompanhamos a história do hospital e sabemos o quanto a comunidade ajudava a casa de saúde, especialmente na época em que as freiras trabalharam voluntariamente. Cuidavam de tudo com muito carinho e dedicação. É muito bom ver isso voltando a acontecer, a comunidade participando. Vocês, assim como outras entidades, começaram, e tenho certeza que outras pessoas também irão ajudar”, finalizou Jerri.
Nesta terça-feira, representantes das entidades tradicionalistas visitarão o Hospital São José, e junto à diretoria da casa de saúde farão o levantamento de quantas poltronas serão necessárias, além dos demais itens de hotelaria que são necessidades do hospital.

Evento já é pensado para o ano que vem

A iniciativa deu certo e irá se repetir no próximo ano. Já na noite desta segunda, os tradicionalistas definiram a data do evento: será no dia 13 de março. Novas ideias também surgiram. Entre elas, contar com ao apoio de tradicionalistas de Morro Reuter e Santa Maria do Herval, que já neste ano se mostraram solidários à causa. “A gauchada de lá vai se empenhar e ajudar”, destaca César Luiz Barbosa, da ACTG



Câmara aprova financiamento de R$ 2 milhões


Os vereadores aprovaram dois projetos importantes na sessão desta segunda-feira.
O primeiro é o 031/2015, que libera R$ 100 mil para o convênio entre prefeitura e Conselho Comunitário Pró-Segurança Pública de Dois Irmãos (CONSEPRO). Com os R$ 200 mil que já estavam destinados em conta, serão investidos R$ 300 mil na primeira fase do projeto para a instalação de câmeras de monitoramento no município. O valor servirá para a construção da rede e estruturação da fibra ótica, além da aquisição das primeiras 16 câmeras para o bairro Travessão. O presidente do CONSEPRO, Marco Alles, e o engenheiro Narciso Flesch estiveram na Câmara para dar detalhes do sistema de vídeomonitoramento.
O segundo projeto é o 039/2015, que autoriza a prefeitura a contratar financiamento de R$ 2 milhões junto ao Badesul, agência de fomento vinculada à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia. Com contrapartida de R$ 243.872,15 do município, o recurso será utilizado na pavimentação asfáltica das seguintes ruas: 10 de Setembro (União), 25 de Julho (União/Floresta), Avenida do Parque (Primavera), Padre Valentim Weschenfelder (Industrial), Sede Campestre (Industrial) e Albano Hansen (Travessão). Antes da sessão, a prefeita Tânia da Silva se reuniu com os vereadores por 20 minutos para falar sobre o projeto (foto).
Mais tarde, na tribuna, houve um debate acirrado sobre o assunto. Alguns vereadores da oposição queriam segurar o projeto para analisá-lo melhor. No entanto, a pressão dos colegas governistas e de moradores presentes na sessão acabou determinando a votação e aprovação do projeto ontem mesmo.


Oposição questionou financiamento

Vereadores da oposição se manifestaram a favor das pavimentações, mas questionaram as vantagens do financiamento e queriam mais tempo para analisar o projeto – o documento deu entrada na casa na terça-feira, dia 17. O financiamento é de quatro anos, com carência de um para iniciar o pagamento e juros da taxa Selic (hoje em 12,75%) + 4% ao ano.
Márcio Goldschmidt (PT) lembrou que, em 2011, o hoje secretário da Fazenda, Juarez Stein, se manifestou contra o financiamento de R$ 2 milhões proposto pelo então prefeito Miguel Schwengber, para pavimentar 14 ruas no bairro São João. “Aqui fica evidente a diferença entre o discurso e a prática. Antes ele era contra, agora faz a mesma coisa”, comentou.
Para Jair Quilin (PDT), o município está fazendo um péssimo negócio. “Com taxa de 16,75%, vamos pagar 1,6 milhão de juros. É um financiamento caríssimo para o município, com a maior taxa de juros já paga. Vão gastar quase o dobro. Para os moradores é excelente, pois eles não vão pagar nada. Mas, para o município, é um péssimo negócio”, afirmou o pedetista.
Joracir Filipin (PT) reclamou que algumas informações sobre o projeto só foram entregues aos vereadores ontem à noite. “Além disso, faltou dizer quanto será gasto e quantos metros serão pavimentados em cada rua”, declarou.
Na contramão dos colegas de partido, o presidente da Comissão de Pareceres, Léo Büttenbender (PT), disse que não via problemas em colocar o projeto em votação ontem, ainda mais que a próxima sessão é só dia 6 de abril.


Situação defendeu aprovação imediata

Sérgio Fink (PTB) destacou que existem diferenças entre este financiamento e o que foi proposto na gestão passada. “Aquele era de 20 anos e as pessoas teriam que pagar. Aqui, os moradores não vão pagar nada. Sem contar que também daria 1,6 milhão de juros. Este projeto foi elaborado por um engenheiro de trânsito, pensando na mobilidade urbana. A cada dia que a gente segurar, serão três dias a mais para iniciar a execução. Se todos são favoráveis, não tem por que não votar”, comentou. Mais adiante, ele cutucou a oposição: “Se não tiveram tempo para analisar um projeto de quatro páginas, ou é falta de vontade política ou é falta de capacidade mesmo”.
Paulinho Quadri (PMDB) parabenizou a atual administração pela iniciativa. “Na gestão passada, não fui contra as pavimentações; fui contra o prazo de 20 anos. Depois, a Tânia fez aquele projeto de novo e gastou 400 mil a menos. Esse é um governo sério e honesto, que trabalha com os pés no chão”, afirmou ele.
Moradores das ruas que serão beneficiadas  pelo financiamento compareceram em peso na sessão. Eles aplaudiram os vereadores que se manifestaram a favor da votação na noite de ontem. Antes do intervalo, Paulinho propôs regime de urgência na votação e todos concordaram. Por fim, o projeto acabou sendo aprovado por unanimidade.

23 de mar de 2015

Morro Reuter festejou 23 anos de emancipação

Um domingo à tarde nublado, mas muito festivo para Morro Reuter, que completou 23 anos de emancipação política e administrativa. A cidade aniversariou na última sexta-feira, dia 20, mas a festa ocorreu no domingo, no Centro Comunitário Evangélico.
A festa reuniu centenas de pessoas, além de autoridades locais, reuniu os prefeitos Rodrigo Fritzen (Santa Maria do Herval), Cláudia Schenkel (Picada Café), Tânia da Silva (Dois Irmãos) e Sérgio Machado (Araricá). O prefeito de Araricá e presidente da Associação dos Municípios do Vale do Sinos, destacou a atuação do prefeito Adair em buscar melhorias para a cidade e para região. O vice-prefeito Harri Becker, ressaltou que nestes 7 anos de administração buscam trazer melhorias para os munícipes. “A nossa principal obra é proporcionar uma boa qualidade de vida para os moradores”, diz Harri.
O prefeito Adair lembrou que a festa neste ano não foi realizada no Ginásio Municipal de Esportes, pois ele passa por reformas e a conclusão está prevista para junho. Ele lembrou da importância de estar integrado a Rota Romântica e revelou que das 14 cidades que compõem a rota turística, Morro Reuter é a única cidade a ter nome alemão.  “Tenho orgulho de administrar essa cidade, pois temos altos índices na educação, saúde e em outras áreas. Além disso, a administração busca correr atrás de melhorias sempre, apesar de ter pessoas pessimistas que dificultam o nosso trabalho”, diz o prefeito, agradecendo a presença das autoridades e dos que prestigiaram a programação.
Os pastores Robson Luís Neu e Luís Fernando, ao lado do padre César Worst, abençoaram a comunidade, deixando mensagens de fé e rezaram para os líderes. Após, as soberanas de Morro Reuter, Patrícia Bauer Schmitz (rainha), Andréia Klauck (1ª princesa) e Jéssica Hansen (2ª princesa), convidaram o público a prestigiar as próximas atrações da cidade. A Feira do Livro e da Leitura de Morro Reuter, que ocorre dos dias 11 a 13 de novembro, e a 3ª Festa Nacional da Lavanda, nos dias 13, 14 e 15 de novembro. A Banda Marcial também prestou sua homenagem tocando o Hino Nacional e o Hino de Morro Reuter.

Corte do bolo de 23 metros

Em comemoração ao aniversário, entidades montaram um bolo de 23 metros alusivo aos anos da cidade. O corte do bolo foi feito pelo presidente da Comissão Emancipadora, Leopoldo Kochhann, e as soberanas. O bolo tinha 23 metros de comprimento e 25 cm de largura. Segundo as doceiras, rendeu cerca de 3.450 fatias.

Vale destacar que contou com a participação voluntária das seguintes entidades: Grupo de Mulheres “Vale Amizade” de Walachai, Sociedade Birckentahl, Grupo de Mulheres “Canto da Amizade” de Linha Görgen, Associação Recreativa e Esportiva Franckenthal, Grupo de Idosos “Unidos Venceremos” de Morro Reuter, Grupo de Mulheres “Viver a vida” de Picada São Paulo, Emater, Associação de Funcionários da Prefeitura de Morro Reuter, CTG Garrão da Serra, Feira do Produtor, Solaris Tecnologia, Café Walachay, Confeitaria Lulu, Padaria Acker, Doceira Clarice Petry, Doceira Marina Deimling, Leila Cabeleireira, Hildegard Holz, Chocolates Degustare e as agentes comunitárias de Saúde do Centro. Além do patrocínio de Banrisul, Moinho Estrela, Cooperativa Piá, Sicredi Pioneira, Mercado Weiler, Fink Supermercados, Frigorífico Hoffmeister, Granja Deimling, Granja J. Júnior, Granja Rohr e Granja Asi. Às 17h, teve reunião dançante com animação da Banda Festerê. O bolo foi montado por entidades voluntárias da cidade.